O segredo do poder é acumular

Muitos buscam poder. A ideia de poder encanta. Atrás de poder estão todos os que almejam altos cargos executivos e também estão atrás de poder os que almejam lideranças de todos os tipos.
Também pela busca de poder, alguns se embrenham por caminhos ocultos e místicos.
Porém, ter poder é muito simples e bem menos trabalhoso do que os exemplos supra citados.
Poder é força de atracão e repulsão, pois o poder é feito de movimento, ou seja, ki (deus//força) em acção.

Atrair o que queremos e repulsar o que não nos agrada. Então, quanto mais força mais poder.

Essa força nada tem haver com força bruta, tampouco com obter as coisas na marra, pela pressão.

O princípio aqui é acumular.

O acumulo de força nos dará maior poder de negociação. E isso em tudo na vida, desde o poder de "ter" até o poder de "ser".

Acumular dinheiro segue o mesmo princípio do acumulo do ki.

Alguns universos (pessoas) julgam equivocadamente de que conseguir as coisas gastando fará com que tudo chegue mais rápido. Esses imediatistas jamais, e quando digo jamais é no mais radical possível, experimentarão o PODER GENUÍNO.

Correr atrás de dinheiro para ter e ser mais e mais e quando finalmente se está com ele nas mãos tratar de gastá-lo, fará nascer dentro de si uma relação de amor e ódio pelo poder. Por que tanta pressa de se livrar antes mesmo de acumular?

Esse conflito estabelece um estado crónico de ausência da paz. A ausência de paz cria desejos que por sua vez é um imenso gerador de necessidades. A necessidade tem pressa. Porém é tudo ilusão.

A situação piora ainda mais quando se cai no sonho dos tais "cartões de crédito". Oras, se tudo o que somos e temos é reflexo dos méritos pré acumulados dentro, onde se encaixa o cartão de crédito? Em lugar algum do universo voltado ao prato cósmico se pode ser ou ter antes de acumular.

Portanto os cartões são armadilhas da mente básica que se vitimou à falta de paz!

No entanto nosso espírito precisa ser reprogramado a acumular. Desde sempre seguimos exemplos do gastar. Os seres gastam-se literalmente até não sobrar nada e se acaba no vermelho. Muitas vezes a existência acaba e as dívidas são deixadas de herança.

Fomos feitos para termos tudo e sermos grandes e se não temos e ainda não somos poderosos é porque não aprendemos a acumular.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...